comentar
r, em 26.01.10 às 13:03link do post | favorito

 

 

A câmara da Amadora responsabilizou hoje a Brisa e o proprietário do terreno pelo deslizamento de terras junto à CREL, provocando o corte da via, enquanto a concessionária referiu que o valor das portagens se vai manter.

 

O vereador da câmara da Amadora com o pelouro da Protecção Civil, Eduardo Rosa, disse à agência Lusa que a autarquia já tinha alertado o proprietário do terreno, que em tempos funcionou como aterro, e a concessionária da auto-estrada, a Brisa, para a possibilidade de acontecer um deslizamento de terras no local.

 

"Já tinha havido um conjunto de indícios e nós fizemos além daquilo que nos compete. A Brisa e proprietários são responsáveis por aquilo e contactámo-los. Fizemos notificações no sentido de chamar a atenção de que a zona não estava estável", disse.

 

O responsável adiantou que "a autarquia estava preocupada com a situação daqueles terrenos há muito tempo", embora nunca esperasse que "acontecesse um incidente com esta amplitude".

 

O deslizamento de terras ocorrido sexta-feira soterrou parte da via da CREL - Circular Regional Exterior de Lisboa - e obrigou ao corte de circulação entre o túnel de Carenque e o nó de Belas e, segundo a Brisa, este corte deve manter-se nas próximas semanas.

 

No local encontram-se 60 camiões e cinco escavadoras para retirar as cerca de cinco mil toneladas diárias de terra que deslizaram para a via.

 

Segundo o porta-voz da Brisa, Franco Caruso, circulam, em média, cerca de 40 mil condutores entre o nó de Belas e a ligação à auto-estrada A16, que agora têm que procurar alternativas para as próximas semanas, como sair no nó de Belas e fazer um percurso dentro de localidades.

 

Questionado sobre se os condutores que tiverem que sair da CREL para voltar a entrar alguns quilómetros mais à frente nesta auto-estrada vão pagar a totalidade das portagens, Franco Caruso respondeu que "as pessoas quando andam na auto estrada pagam por cada sublanço que utilizam" e, dessa forma, não será feito qualquer desconto ao preço que actualmente já pagam.

 

Inaugurada em 1995, a CREL contemplou a construção de dois túneis, o de Carenque (junto a Belas) e o de Montemor que em 1996 sofreu o primeiro incidente com a abertura de um buraco de três metros provocado por infiltrações alegadamente devido a problemas "no revestimento de betão".

 

Nesse ano, depois das infiltrações no túnel, foram os taludes laterais que se mostraram instáveis causando várias derrocadas e o desprendimento de pedras que provocaram sucessivos cortes parciais da via.

 

O então ministro do Equipamento, Planeamento e Administração do Território, João Cravinho, atribuiu esses problemas ao facto da auto-estrada estar desenhada em solos instáveis, considerando, na altura, que as "soluções construtivas ou de execução foram as menos adequadas".

 

JYR.

Lusa/Fim


comentar
r, em 08.01.10 às 11:28link do post | favorito

No próximo dia 15 de Janeiro (sexta-feira), pelas 10.30 Horas, tem lugar a inauguração da Escola EB1/JI/Creche Aprígio Gomes, iniciativa que conta com a presença da Ministra da Educação, Dr.ª Isabel Alçada.

 

Este novo equipamento escolar do Município da Amadora tem as valências de Creche, Jardim de Infância (JI) e de 1.º Ciclo do Ensino Básico (CEB).


Tem capacidade para 450 alunos do 1.º CEB, 100 de JI e 50 crianças na Creche.


Para já, estão a funcionar o JI e o 1.º CEB, prevendo-se que a Creche (para crianças dos 4 meses aos 3 anos), gerida pela Sta. Casa da Misericórdia da Amadora, entre em funcionamento ainda neste ano lectivo.

 

As crianças das antigas EB1 Aprígio Gomes, EB1 Mina D’Água e JI de Sta. Filomena transitam este ano lectivo para estas novas instalações.

O Programa Municipal “Aprender & Brincar” (ATL) irá funcionar neste estabelecimento de ensino, quer para os alunos do 1.º CEB, quer para os alunos do Pré-Escolar, sendo assegurado pela Sta. Casa da Misericórdia.

 

Os alunos do 1.º CEB poderão usufruir de Actividades de Enriquecimento Curricular (AEC) entre as 15.30h e as 17.30h (após o final das aulas), nomeadamente Apoio ao Estudo, Ensino do Inglês e da Música, Actividade Física e Desportiva, Xadrez e Educação pela Arte. A adesão a estas actividades é facultativa e gratuita.


Além das salas de aula, a Escola EB1/JI/Creche Aprígio Gomes tem ainda espaço de recreio com campo de jogos e horta pedagógica, pavilhão desportivo, biblioteca/centro de recursos, cozinha, refeitório e diversos gabinetes de apoio.

 

Esta obra, que vai dotar o Município e a área envolvente de mais um equipamento de apoio às famílias, representou um investimento municipal de € 2.844.377,56, acrescidos de IVA à taxa legal em vigor,.


Características:

Valência de Creche
2 Salas de Berços;
2 Salas de Parque;
2 Salas de Actividades;
1 Sala de Refeições;
1 Copa de Leites;
1 Área de Apoio ao serviço de refeições;
1 Zona de Tratamento de Roupa, Arrumos, arrecadação de material de limpeza;
1 Instalações Sanitárias de Crianças;
2 Gabinetes;
1 Instalações Sanitárias/vestuário de Pessoal;
1 Espaço de acolhimento/Recepção;
1 Vestiário de Crianças;
1 Sala de Isolamento;
1 Arrecadação para material exterior;
Espaço Exterior.

Valência de Jardim de Infância
4 Salas de J.I. (cada sala tem 1 vestiário para crianças e 1 arrecadação de Material didáctico);
1 Arrecadação de Material de Limpeza;
2 Casas-de-banho para Crianças (Fem + masc.);
1 Casa-de-banho para adultos;
1 Casa-de-banho para pessoas portadoras de deficiência;
1 Parque Infantil com uma zona de recreio coberto;
1 Sala de 1.ºs Socorros;
1 Gabinete.

Valência de E.B.1
18 Salas de Aulas. Cada sala tem 1 vestiário para crianças e 1 arrecadação de Material didáctico;
5 Gabinetes;
1 Sala para Professores;
1 Sala de Pessoal/Vestiário;
1 Sala de Actividades;
2 Casas-de-banho para Crianças (Fem + masc.);
2 Casas-de-banho para adultos (Fem + masc.);
1 Casa-de-banho para pessoas portadoras de deficiência;
Parque Infantil da E.B.1 + Zona coberta;
Arrumos.

Refeitório
1 Cozinha (Preparação, Confecção e Empratamento);
1 Cozinha (lavagem)
2 Despensas (despensa do dia + despensa de frio);
1 Vestiário pessoal auxiliar;
Casa das máquinas.

Átrio Principal (J.I. + E.B.1)
2 Casas-de-banho para adultos (Fem. e Masc.);
1 Casa-de-banho para pessoas portadoras de deficiência;
1 Recepção.

Espaços Comuns
1 Centro de Recursos Educativos;
1 Ginásio;
1 Campo de jogos;
2 Balneários para os alunos + Vestuário (Fem. + Masc.);
1 Balneário/vestuário para professores;
1 Arrecadação de material desportivo;
Arrecadação exterior (lixo).

Morada:
Escola EB1/JI/Creche Aprígio Gomes
Avenida Canto e Castro, Urbanização Casal de Vila Chã, Freguesia de São Brás

(cma)

 


comentar
r, em 06.01.10 às 14:04link do post | favorito

No próximo dia 10 de Janeiro (domingo), os Recreios da Amadora (Av. Santos Mattos, 2 – Venteira) acolhem pelas 16.00H, o Concerto de Ano Novo da Banda da Sociedade Filarmónica Comércio e Indústria da Amadora.

 

Entrada gratuita mediante levantamento de bilhete nos Recreios da Amadora.

 

Bilheteiras:
5.ª e 6.ª feira – das 10.00h às 12.00h e das 14.00h às 17.00h
domingo – das 14.00h às 16.00h

Marcadores: , ,

comentar
r, em 04.01.10 às 15:14link do post | favorito

27-10-2008 a 30-12-2010 | Centro de Ciência Viva da Amadora
Horário: 3.ª a 6.ª feira, das 10.00h às 13.00h e das 14.00h às 18.00h / Sábado, domingo e feriados, das 11.00h às 13.00h e das 14.00h às 19.00h
16-05-2009 a 18-05-2010 | Núcleo Museográfico do Casal da Falagueira
Horário: 2.ª a sábado, das 9.00h às 13.00h e das 14.00h às 17.00h. Encerra aos domingos e feriados.
16-05-2009 a 18-05-2010 | Núcleo Museográfico do Casal da Falagueira
Horário: 2.ª a sábado, das 9.00h às 13.00h e das 14.00h às 17.00h. Encerra aos domingos e feriados.
Entrada Livre
05-12-2009 a 12-01-2010 | Centro de Arte Contemporânea
Horário: 2.ª a 6.ª das 10.00h às 12.30h e das 14.00h às 18.00h
Entrada Livre
12-12-2009 a 04-01-2010 | Biblioteca Municipal Fernando Piteira Santos – Pólo da Boba
Horário: 2.ª a 6.ª feira, das 10.00h às 13.00h e das 14.00h às 18.00h


comentar
r, em 01.01.10 às 23:27link do post | favorito

A 35.ª edição da São Silvestre da Amadora, a mais forte São Silvestre portuguesa, que teve início na Rua Elias Garcia pelas 18h00 e chegada na Rua Manuel Ribeiro de Paiva (Venda Nova), voltou a ter selo de qualidade nas duas corridas. Dulce Félix ganhou pelo segundo ano consecutivo, a prova feminina, com o queniano Joseph Ebuya a vencer no sector masculino.

Dulce Félix terminou com o tempo de 32.27 minutos, à frente de Sara Moreira, com 33.04 minutos, e da queniana Elisabeth Rumokol, com 33.50.

No escalão masculino, prova dominada pelos quenianos, com vitória de Joseph Ebuya. O queniano concluiu a prova em 28.39 minutos, impondo-se ao compatriota Nicholas Korir (29.00) e ao português Manuel Damião (29.02).

Classificação Feminina:

1. DULCE FELIX (S.C.BRAGA)
2. SARA MOREIRA (MARATONA CP)
3. ELISABETH RUMOKOL (QUENIA)
4. MONICA ROSA (MARATONA CP)
5. IRINA SERGEYVA (RUSSIA

 

http://videos.sapo.pt/waQLLDPDZcS6pt6Bne5r

Marcadores: , ,

VISITANTES
Counter
INQUÉRITO
EM QUE AREA DEVIA A CAMARA DA AMADORA INVESTIR MAIS??
EDUCACAO
DESPORTO
OBRAS MUNICIPAIS
AMBIENTE E HIGIENE URBANA
ACCAO SOCIAL
REQUALIFICACAO URBANA
HABITACAO
CULTURA
ESPACOS VERDES
  
pollcode.com free polls
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
27
28
29
30

31


blogs SAPO
subscrever feeds