comentar
r, em 26.11.09 às 20:32link do post | favorito
Lisboa: Bairro Alto terá videovigilância mas Baixa não


A Comissão Nacional de Protecção de Dados autorizou a videovigilância no Bairro Alto, mas, por outro lado, deu um parecer negativo ao mesmo pedido para a Baixa lisboeta. No Bairro Alto o sistema pode avançar, desde que se alterem algumas condições técnicas do projecto, mas será uma questão de tempo até ficar operacional.

 

O presidente da União das Associações de Comerciantes de Lisboa, Vasco Melo, não disfarça a surpresa com a decisão da Comissão Nacional de Dados, afirmando não entender a diferença de critérios. A mesma posição é tomada pela Associação de Moradores da Baixa, através do seu presidente, António Campos Rosado.

 

Em Setúbal, aguarda-se pela PSP, para identificar os locais onde as câmaras serão necessárias e depois o processo terá seguimento para o Ministério da Administração Interna (MAI). A presidente da Câmara, Maria das Dores Meira, afirma que esta não será a solução mais adequada para o aumento de violência na baixa da cidade, mas não se opõe à vontade da Associação de Comerciantes local.

 

No MAI, aguarda-se ainda uma decisão da Comissão de Protecção de Dados quanto à colocação de câmaras de videovigilância no concelho da Amadora.

 

 


comentar
r, em 26.11.09 às 20:29link do post | favorito

Inaugura no próximo dia 27 de Novembro, pelas 21.30 horas, na Galeria Municipal Artur Bual, a exposição de escultura de Virgílio Domingues, Os Antimonumentos.

 

Virgílio Domingues é um dos maiores nomes da escultura nacional. Com um percurso artístico marcadamente inovador e, muitas vezes, contra-corrente, o escultor apresenta na Amadora um vasto leque de obras dignas de serem demoradamente apreciadas.

A inauguração será acompanhada de:

Intervenção sobre a obra do Escultor Virgílio Domingues, a cargo de Rui-Mário Gonçalves e Manuel Augusto Araújo.
Haverá ainda lugar a um café-concerto, com:
- Banda Vitaminas – “Uma Noite de Jazz Clássico”
- João Silva, Jorge Costa, Vitor Paulo, Luís Maravilhas e convidado especial Carlos Sanches.

Virgílio Augusto Domingues
• Nasceu em Lisboa em 1932
• Diplomado em Escultura pela
      Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa
• Foi, durante vários anos, membro da direcção da S.N.B.A.
• Bolseiro, em 1958, da Fundação Gulbenkian
• Foi-lhe atribuído em 1962, o prémio de Escultura Soares dos Reis
• Foi premiado no concurso para a decoração do maciço de amarração
      da Ponte sobre o Tejo
• Esteve representado no Pavilhão Português da
      Exposição Comemorativa do IV Centenário do Rio do Janeiro
• Tem trabalhos públicos, entre outros, no Palácio da Justiça de Lisboa,
       na Faculdade de Engenharia de Coimbra, na Praça de Portugal em Setúbal
• Expôs individualmente em 1968 na Galeria de Arte Moderna da S.N.B.A.;
      em 1970 na Galeria Judite da Cruz, em 1980 no Pavillon International
      de L’Humeur, em Montreal-Canadá, em 1986 na Casa das Artes de Tavira e na
      Galeria Alfamixta em Lisboa e no Museu Municipal de Loures.
• Está representado no Centro de Arte Moderna da Fundação Gulbenkian
      nos Museus de Estremoz, Mirandela, Gouveia e Loures e
      em várias colecções particulares.
• Participou, entre outras nas seguintes Exposições Colectivas:
o I Salão dos Artistas de Hoje
o Escultura e Desenho de Escultores
o I Exposição de Artes Plásticas da Fundação Gulbenkian
o 58º e 59º Salões da Primavera
o Expo 72 na S.N.B.A.
o V Retrospectiva das Galerias da S.N.B.A.
o V Salão de Arte Moderna na S.N.B.A. (1962)
o VI Salão de Arte Moderna na S.N.B.A. (1963)
o Salão de Março na S.N.B.A. (1963)
o Exposição da A.I.C.A. (1974)
o Figuração - Hoje (1975)
o Artistas Contemporâneos e as Tentações de S.Antão (1975)
o Realistas Portugueses – Berlim (1977)
o Exposição do Grupo 5+1 em Viena (1977)
o Exposição de Arte Portuguesa em Madrid e Barcelona (1977)
o Novas Mitologias na S.N.B.A. (1977)
o Grupo 5+1 na Cooperativa Árvore – Porto (1978)
o XVIII Congresso FIDEM (1979)
o Convenções do Dizer na S.N.B.A. (1980)
o Exposição de Artistas Portugueses Comemorativa
   do Centenário de Picasso (1981)
o Exposição de Arte Moderna, S.N.B.A. (1982)
o Perspectivas Actuais da Arte Portuguesa, S.N.B.A. (1983)
o Cinco Escultores no Museu de Setúbal (1984)
o Arte dos Anos 80, SNBA (1985)
o Colectiva de Escultura no Centro Cultural de Grândola (1986)
o III Exposição de Artes Plásticas da Fundação Gulbenkian (1986)
o Arte Portuguesa – Bordéus (1987)
o Desenhos Realistas no Instituto Alemão (1987)
o II Bienal Internacional de Óbidos (1989)
o Conflito e Unidade da Arte Contemporânea na
   Galeria Municipal de Arte, Almada (1992)
o Bienais da Festa do “Avante!”

 

Exposição patente de 27 de Novembro de 2009 a 10 de Janeiro de 2010
Entrada livre

Galeria Municipal Artur Bual
Av. Movimento das Forças Armadas, 1 – 2700-961 Amadora (Paços do Concelho)
Terça a Sexta-feira – das 10.00h às 12.30h e das 14.00h às 18.00h
Sábados, Domingos e Feriados – 15.00h – 18.00h
Encerra às Segundas-Feiras

Marcadores: , ,

comentar
r, em 26.11.09 às 20:25link do post | favorito

No dia 1 de Dezembro, os Recreios da Amadora apresentam pelas 21.30H o espectáculo “Tropicália”, com Fernando Ferreira.

“Os grandes cantores e compositores brasileiros – de Chico Buarque a Caetano Veloso, passando por Tom Jobim, Ney Matogrosso, Vinicius de Morais, Elis Regina, Bethania, entre outros. Fernando Ferreira, cantor e actor, acompanhado pelos seus músicos, proporciona uma viagem musical a um universo caloroso de ritmo, harmonia e língua portuguesa, o seu lado mais tropical.”

Recreios da Amadora
Av. Santos Mattos, 2 – Venteira

Ingresso: € 5

Marcadores: , ,

comentar
r, em 23.11.09 às 14:50link do post | favorito


 

Aqui a CDU, não dá nem um pelouro a ninguém pelo que disse "El Presidente Todo Poderoso", João Lobo, seria antidemocrático dar pelouros à oposição, porque estaria assim a forçar os vereadores dos outros partidos a participarem num projecto da CDU que é o melhor para o concelho, (facto que tem vindo a ser constatado por todos nós, nestes 34 anos de real socialismo moiteiro)*, mas a mesma CDU não tem pejo em aceitar pelouros na Amadora e António Carixas da CDU da Amadora até diz esta frase que é ao que parece um projecto da CDU a nível nacional, claro que com a excepção da CDU da Moita: "Faz Parte dos nossos princípios, quer em maioria quer em minoria, partilhar a governação e, após o voto da população, assumimos as nossas responsabilidades.", após isto e como há uma notória contradição entre a CDU nacional e a CDU moiteira, o AVP aconselha à CDU nacional que retire o apoio à CDU moiteira e se tal não acontecer, que o PS da Amadora retire os pelouros aos vereadores da CDU na Amadora.

 

 

 
 
Marcadores: ,

comentar
r, em 13.11.09 às 12:00link do post | favorito

Realojamento de 19 famílias na Amadora permite conclusão do troço final da CRIL

Dezanove famílias que viviam em barracas entre as Portas de Benfica e Pedralvas serão realojadas ao abrigo de um acordo entre o Instituto de Habitação, Câmara da Amadora e Estradas de Portugal, permitindo concluir o troço final da CRIL.

Este protocolo é o segundo aditamento ao acordo celebrado em Outubro de 1996 entre as três entidades, que visava regular uma intervenção integrada para realojamento de famílias recenseadas no Programa Especial de Realojamento (PER) nas áreas metropolitanas de Lisboa e Porto.

O realojamento será assegurado pelo município da Amadora, mediante a compra no mercado de 19 fogos adequados às famílias abrangidas (quatro T0, um T1, cinco T2, seis T3 e três T4) e o financiamento será garantido pelo Instituto de Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU), que investe um total de 482 mil euros.

O investimento do IHRU corresponde à comparticipação a fundo perdido até ao limite de 40 por cento dos preços máximos, por tipologia, vigentes à data da compra.

A Estradas de Portugal concede ao município da Amadora uma comparticipação de 300 000 euros, que cobrirá a parcela não financiada ao abrigo do PER.

Com o realojamento destas 19 famílias fica aberto o caminho para a conclusão do troço final da Circular Regional Interior de Lisboa (CRIL), que ligará o nó da Buraca ao da Pontinha e este à rotunda de Benfica, numa extensão aproximada de 4,5 quilómetros.

lusa


comentar
r, em 11.11.09 às 16:29link do post | favorito
 

Av. Cardoso LopesDurante a execução da empreitada de requalificação do Parque Central, a Câmara Municipal da Amadora alterou os sentidos de trânsito da Avenida Cardoso Lopes e Avenida António Correia de Oliveira, na freguesia da Mina.

Encontrando-se em fase de conclusão a referida empreitada, e tendo sido solicitado pela Junta de Freguesia da Mina, a reposição dos antigos sentidos de tráfego nas supra mencionadas Avenidas.

Vai esta Autarquia efectuar a reposição dos sentidos de tráfego iniciais, na próxima Quinta-Feira (dia 12 de Novembro de 2010).

Voltando esta zona a ser servida de Transportes Públicos, facilitando a serventia aos serviços de Correios e Finanças da freguesia da Mina e a acessibilidade dos moradores às suas residências.

Av. António Correia de Oliveira
CMA
Marcadores: ,

comentar
r, em 11.11.09 às 15:17link do post | favorito

Em 3 de Agosto de 2007, a Câmara Municipal da Amadora (CMA) assinou um protocolo de cooperação com o Gabinete para a Resolução Alternativa de Litígios (GRAL), do Ministério da Justiça, que tinha como fim criar as condições adequadas ao desenvolvimento do Sistema de Mediação Familiar no Município da Amadora (sistema que abrange as principais áreas do direito da família e dos menores, para os quais a mediação se revele adequada).

 

O GRAL apoia também a criação e o funcionamento, coordenando e supervisionando outros sistemas públicos de mediação: o Sistema de Mediação Laboral (voluntário e de âmbito nacional, vocacionado para a resolução de litígios em matéria laboral, quando não estejam em causa direitos indisponíveis ou não resultem de acidente de trabalho) e o Sistema de Mediação Penal (serviço que permite ao arguido e ao ofendido utilizar a mediação para resolver extrajudicialmente certos conflitos penais).

 

Neste sentido, foi aprovada a alteração ao protocolo firmado em 2007, que visa agora, além do Sistema de Mediação Familiar, criar as condições adequadas ao desenvolvimento do Sistema de Mediação Laboral e do Sistema de Mediação Penal no Município da Amadora.

Marcadores: , ,

comentar
r, em 11.11.09 às 15:15link do post | favorito

A Câmara Municipal da Amadora (CMA) aprovou a assinatura de um protocolo com a Fundação Benfica, com o objectivo de integrar cerca de 100 beneficiários, distribuídos por grupos etários de 5 escalões (5-6, 7-9, 10-13, 14-16, 17-19) no projecto-piloto Radial de Operações.

 

Este projecto apoia crianças e jovens, com uma forte incidência na área da saúde, através da prestação de cuidados de saúde em áreas como Pediatria, Estomatologia e Psicologia, além de incidir igualmente nas seguintes áreas de intervenção: educação/cultura (acompanhamento pedagógico, melhoria e qualificação pessoal); TIC (aquisição de competências na área das tecnologias da informação e da comunicação); saúde (bem-estar físico e psíquico através de planos de nutrição/alimentação, prevenção de doenças e prestação de cuidados de saúde em áreas como a pediatria, estomatologia e psicologia); desporto (prática desportiva, em diferentes modalidades).

 

O objectivo desta parceria é o de mobilizar crianças e jovens, com vista à promoção e aplicação de estilos de vida saudáveis, da prática desportiva, da aquisição de competências em tecnologias de informação, educação e cultura, com o objectivo de melhorar a sua qualificação pessoal.


VISITANTES
Counter
INQUÉRITO
EM QUE AREA DEVIA A CAMARA DA AMADORA INVESTIR MAIS??
EDUCACAO
DESPORTO
OBRAS MUNICIPAIS
AMBIENTE E HIGIENE URBANA
ACCAO SOCIAL
REQUALIFICACAO URBANA
HABITACAO
CULTURA
ESPACOS VERDES
  
pollcode.com free polls
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
25
27
28

29
30


blogs SAPO
subscrever feeds