comentar
r, em 18.08.09 às 18:24link do post | favorito

 

ORDENAÇÃO DOS BOLETINS DE VOTO
 
BE
CDU
PSD/CDS
CIPA
PS
MICA
PCTP/MRPP
PTP
 
O PS, PSD, BE, CDU E CIPA concorrem a todos os órgãos autárquicos (assembleia municipal, câmara municipal e todas as juntas de freguesia).
 
O MICA, concorre a todos os órgãos menos à freguesia da Venteira.
 
O PTP só concorre à câmara, assembleia municipal e freguesias da Venteira e Mina.
 
O PCTP/MRPP só concorre à câmara municipal.
 
O Movimento Alfragide Sempre – Catolino Presidente só concorre à Freguesia de Alfragide.

comentar
r, em 18.08.09 às 12:12link do post | favorito

Em declarações à Agência Lusa, o presidente do PTP, Amândio Madaleno, considerou que na Amadora "a questão da segurança é muito importante", salientando "a necessidade de motivar os trabalhadores que agem nos bairros sociais e na área da integração social".

 

Os trabalhistas defendem o desenvolvimento de medidas de apoio social "concretas e de proximidade com as populações, candidatando-se, por isso, à Junta de Freguesia da Venteira, no concelho".

 

Amândio Madaleno considerou que "Há falta de apoios, falta de intervenção social e isso contribui para a delinquência. É preciso medidas concretas de intervenção social".

 

O líder do PTP criticou também o actual presidente da câmara da Amadora, Joaquim Raposo (PS) por "avançar com a criação de uma super-polícia para o concelho, quando isso vai ser maior asneira. Temos de levar sempre com medidas anti-sistema. O que é necessário são esquadras de proximidade".

 

Para a presidência da Assembleia Municipal da Amadora, a candidata do PTP é Andreia Gonçalves.

 

A 01 de Julho o Tribunal Constitucional autorizou a constituição do Partido Trabalhista Português (PTP), com um requerimento subscrito por mais de 7500 cidadãos eleitores.

 

( fonte Diário de Notícias)


comentar
r, em 18.08.09 às 12:09link do post | favorito

Em declarações à Agência Lusa, o candidato luso-caboverdiano de 29 anos explicou que a candidatura do MIC surge da inexistência de "um movimento que abarcasse todas as populações da cidade".

 

    Francisco Pereira afirmou que o MIC vai procurar "fazer políticas com as pessoas", justificando que "as pessoas não estão bem aproveitadas" e que, por isso, "a cidade pode vir a pagar uma factura alta".

 

    "No MIC temos candidatos com várias origens, por exemplo, temos pessoas da comunidade cigana, o que surge pela primeira vez numa candidatura, o que vai aproximar e responsabilizar a população a conhecer as suas qualidades e as suas aspirações", disse o candidato, admitindo que a sua origem cabo-verdiana também pode trazer benefícios.

 

    Questionado sobre os confrontos que ocorreram no passado fim-de-semana na Cova da Moura, Francisco Pereira sublinhou que "ali vivem pessoas com nível de vida diferenciado, umas com menos oportunidades do que outras".

 

    O investigador na área das ciências políticas contou que os habitantes do bairro que procuram trabalho "não apresentam a morada da Cova da Moura, porque se sentem estigmatizados".

 

    Por isso, defendeu, "é importante devolver a esperança à juventude e criar a oportunidade de encontrarem um trabalho", apostando "num investimento na formação/informação e em políticas culturais e sociais".

 

    O MIC surgiu em 2006, tendo "a sua génese nos princípios informadores da candidatura de Manuel Alegre [PS] à Presidência da República [daquele ano]  sendo a defesa, disseminação, desenvolvimento e actualização desses princípios a razão histórica da sua constituição", lê-se na sua página da Internet.

 

(fonte Diário Notícias)

 


comentar
r, em 18.08.09 às 11:36link do post | favorito

 

João Allen, campeão nacional de snowboard, e Diogo Cabeleira, detentor do título no ano passado, vão testar amanhã, quarta-feira,  as pistas de esqui e snowboard do Parque Temático da Amadora, que será inaugurado em Setembro.
 
"Quem melhor do que as autoridades na matéria para ver se está tudo bem?", explicou uma fonte ligada ao projecto da Radical Skate Clube em parceria com a Spotx, orçado em mais de um milhão de euros e que vai colocar a cidade da Amadora na rota dos desportos radicais e de Inverno.
 
Os testes, os primeiros das pistas (principal e de aprendizagem) vão contar ainda com a presença dos melhores atletas de esqui e de monitores da Surf In, conceituada escola de aprendizagem da área e parceira do projecto que vai nascer integrado no futuro Parque Urbano da Atalaia, entre a Reboleira e a Damaia.
 
A pista de esqui, com 150 metros de comprimento vê-se do IC-19 e permite a utilização de 150 pessoas por hora. Não terá neve artificial, mas um pavimento branco semelhante a alcatifa onde corre água e que dá a sensação de esquiar na neve. Mas há diferenças relativamente a equipamentos idênticos.
 
"É muito diferente do parque que existe em Manteigas, muito mais moderno", explica a mesma fonte, acrescentando que este é um tipo de equipamentos que está em franca expansão na Europa. Só em Inglaterra existem cerca de 80 do género.
 
Além das pistas, que vão agora entrar em fase de testes, falta concluir obras no ringue de patinagem, de skate e de um parque exclusivo para skate (a final do circuito nacional vai realizar-se neste parque), além dos últimos retoques nos vários edifícios de apoio.
 
A abertura acontecerá durante a primeira quinzena de Setembro, durante as Festas da Cidade, uma vez que se trata de um projecto que tem sido muito acarinhado pela Câmara da Amadora.
 
Só no primeiro ano de funcionamento, o parque temático com 20 mil metros quadrados de área espera atrair mais de 150 mil pessoas (mais de 2600 por dia) e contar com sete mil alunos por mês nas escolas criadas para a prática das várias modalidades ali disponíveis.

 

(Peça do Jornal de Notícias)


Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
19
20
22

23
24
25
29

30
31


blogs SAPO
subscrever feeds