comentar
r, em 29.08.08 às 11:40link do post | favorito

Inaugura no próximo dia 6 de Setembro, pelas 18 horas, na Galeria Municipal Artur Bual, a exposição A Voz dos Espelhos, uma mostra colectiva que congrega 17 artistas do melhor surrealismo internacional actual, integrada nas comemorações do 29.º aniversário do Município da Amadora.

 

Sara Ávila, Antonio Beneyto, Miguel de Carvalho, Laura Corsiglia, Gilles Desrozier, Guy Ducornet, Guy Girard, Allan Graubard, Beatriz Hausner, Miguel Angel Huerta, Jorge Leal Labrin, Sergio Lima, Rik Lina, Alfredo Luz, Seixas Peixoto, João Rasteiro e Virginia Tentindo, são os nomes presentes.

 

Na inauguração, destacamos o seguinte programa: intervenções de Miguel de Carvalho e Rik Lina, sobre o Movimento Surrealista, declamação de poesia de João Rasteiro e música com o Duo “The Lights”, por Katherine Ann Fiero e José Oliveira.

EXPOSIÇÃO PATENTE DE 6 DE SETEMBRO A 19 DE OUTUBRO

Galeria Municipal Artur Bual
Av. Movimento das Forças Armadas, 1 – Venteira (2701-961)
3.ª a 6.ª feira das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 18h00
Sábados, domingos e feriados das 15h00 às 18h00
Encerra à 2.ª feira

 

( cma )

 

 

Marcadores: ,

comentar
r, em 27.08.08 às 11:43link do post | favorito

Existem no Municipio da Amadora um conjunto de Medidas/Projectos/Apoios, no âmbito da Acção e Intervenção Social, que visam, entre outros, dar resposta a quem mais precisa.

 

São inúmeros os Projectos, sendo também muito alargada a população alvo a quem são dirigidos, da deficiência aos mais idosos, passando pelo apoio domiciliário, pela oficina multiserviços, pelo Cartão Amadora 65+, pelo Banco Municipal de Voluntariado e Banco de Ajudas Técnicas, os Projectos Recriar a Vida e Animocentro,  o Projecto Férias Séniores , e o Projecto Passa-a-Palavra, são alguns dos exemplos.

 

Para mais informações sobre os Projectos desenvolvidos e dos apoios disponibilizados, consulte o seguinte link: http://www.cm-amadora.pt/files/2/documentos/2007073118564246757.pdf

Contactos:
Câmara Municipal da Amadora/Departamento de Educação e Cultura/Gabinete de Acção Social – Centro da Juventude/Multigeracional da Amadora
Travessa de Sta. Teresinha s/n  - Brandoa (2650-178)
Telefone: 21 492 04 64 / 21 493 04 94
Fax: 21 492 05 77
e-mail:
accao.social@cm-amadora.pt

 

 

Marcadores: , ,

comentar
r, em 21.08.08 às 10:27link do post | favorito

"Tecnologia e Ficção Científica" é o tema central da edição deste ano do Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora (FIBDA), que se realiza entre os dias 24 de Outubro e 9 de Novembro.

Uma vez mais, o núcleo central do Festival ficará sediado no Fórum Luís de Camões, na Brandoa, local de fácil acesso, quer em transporte público quer em viatura particular. O espaço divide-se por dois pisos e estará, completamente, diferente das edições passadas, em termos de aproveitamento.


Além deste espaço, o FIBDA terá, à semelhança das edições anteriores, núcleos expositivos em outros locais: Centro Nacional de BD e Imagem, Galeria Municipal Artur Bual, Recreios da Amadora e Casa Roque Gameiro.

A Grande Festa da BD contará com exposições, presença de autores nacionais e estrangeiros (autógrafos, debates, lançamento de livros e workshops), espaço comercial, espaço infantil e actividades para os mais novos, Prémios Nacionais de BD, cinema de animação e muitas outras actividades.

Será, decerto, e uma vez mais, um Festival que trará à Amadora o que de melhor se faz na BD mundial.
Logo que nos seja possível (a programação está a ser ultimada), faremos aqui referência às exposições e autores que estarão na Amadora, além das outras iniciativas.

Até lá, marque na sua agenda: ida ao FIBDA, de 24 de Outubro a 9 de Novembro.

 

FIBDA: Concursos de BD e Cartoon

O Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora (FIBDA), que, este ano, se realiza entre 24 de Outubro e 9 deNovembro, organiza, anualmente, Concursos de BD e de Cartoon com os propósitos de encontrar novos valores, incentivar a produção da Banda Desenhada e proporcionar a sua
apresentação pública.

Para a 19ª edição foi seleccionado para tema dos concursos "Tecnologia e Ficção Científica" sendo, simultaneamente, o tema central do FIBDA.
Na categoria de Banda Desenhada, existem dois escalões etários: escalão A (dos 17 aos 30 anos) eescalão B (dos 12 aos 16 anos), enquanto que na categoria de Cartoon apenas existe um escalão, podendo concorrer todos os interessados entre os 16 e os 30 anos.

Os Concursos do FIBDA premeiam sempre os vencedores em valor pecuniário.
Banda Desenhada:
escalão A: 1º prémio (1000 euros); 2º prémio (750 euros) e 3º prémio (600 euros)
escalão B: 1º prémio (750 euros); 2º prémio (600 euros) e 3º prémio (500 euros)
Cartoon: 1º prémio (600 euros); 2º prémio (450 euros) e 3º prémio (350 euros)

Como referido, a data limite para entrega dos trabalhos, nas duas categorias, é o dia 10 de Setembro. O júri dos concursos reunirá no dia 25 do mesmo mês.

Agora, é tempo de idealizar e concretizar. O mesmo é dizer: "mãos à obra!"

Para ficar a conhecer as normas de participação para os Concursos de BD e de Cartoon e imprimir a ficha de inscrição clique aqui.

 

 

PARA MAIS INFORMAÇÕES/NOTÍCIAS/EVENTOS, CONSULTE A PÁGINA: http://www.amadorabd.com/

 

VISITE O CENTRO NACIONAL DE BANDA DESENHADA E IMAGEM - AMADORA


Avenida do Brasil 52A
2700-134 Amadora

Telefone: 214998910
Fax: 214962353

 


comentar
r, em 21.08.08 às 09:47link do post | favorito

 

PARA MAIS INFORMAÇÃO SOBRE AS INICIATIVAS CULTURAIS E DESPORTIVAS DESENVOLVIDAS PELA CÂMARA MUNICIPAL DA AMADORA, CLIQUE NO LINK QUE SE SEGUE:

 

http://www.cm-amadora.pt/files/2/documentos/20080819170624265168.pdf

 

Marcadores: , ,

comentar
r, em 14.08.08 às 16:32link do post | favorito

 

O Clube de Natação da Amadora está de parabéns!!!!

 

Está de parabéns porque ,e em primeiro lugar ,foi o Clube que mais atletas levou ao jogos Olímpicos de Pequim 2008 - 3 atletas, cerca de 40% da representalção nacional na Natação (Diana Gomes, Carlos Almeida e Simão Morgado).

 

Está também de parabéns porque os seus atletas Carlos Almeida e Simão Morgado bateram os anteriores recordes nacionais. Carlos Almeida, foi inclusivamente o 1º classificado numa das eliminatórias...

 

MUITO BEM, PARABÉNS!!!!!

 

Marcadores: ,

comentar
r, em 14.08.08 às 12:39link do post | favorito

As autarquias vão promover o diagnóstico da delinquência e criminalidade local, assim como avaliar o sentimento de segurança e avançar com propostas para a sua melhoria. Estas iniciativas estão previstas nos Contratos Locais de Segurança, de acordo com o protocolo preparatório assinado esta quarta-feira.

 

 

O Ministério da Administração Interna (MAI) e a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) vão trabalhar em conjunto para prevenir e reprimir a criminalidade local.

Nesse sentido, vão estabelecer Contratos Locais de Segurança com todas as autarquias que o desejarem. Até ao momento, apenas o município do Porto assinou o documento, mas Amadora, Sintra e Castelo Branco também o vão fazer em breve. Os Contratos Locais de Segurança são assinados entre as autarquias e os Governos Civis.

A parceria passa pelo apoio financeiro na criação de mais polícia municipal, no envolvimento da PSP e da GNR e ainda no fornecimento de tecnologia, como programas de videovigilância e de geo-referenciação.

Na cerimónia de assinatura dos protocolos, o ministro da Administração Interna disse que esta uma “manifestação de vontade” para a concretização dos Contratos Locais de Segurança.

Aos municípios caberá “um papel de avaliação da informação e o seu encaminhamento para as entidades competentes, responsabilidade assegurada, nomeadamente através dos Conselhos Municipais de Segurança”, explicou o presidente da ANMP, Fernando Ruas.

O ministro da Administração Interna garante que tem recebido nos últimos dias “muitas manifestações de vontade” de autarquias interessadas em subscrever os contratos. Rui Pereira nota que “não existe prazo” limite para o fazer.

Ministro defende que legislação para uso de arma de fogo não precisa de ser revista

O ministro da Administração Interna considera que a legislação que regulamenta o recurso a armas de fogo em acção policial não precisa de ser revista. O decreto-lei que determina o recurso a arma de fogo pela polícia tem nove anos e tem sido alvo de debate nas últimas semanas.

“O regime de manuseamento de armas de fogo pelas forças de segurança é um regime completamente claro, quer no plano constitucional, quer no plano legal e não carece de revisão nenhuma”, disse Rui Pereira, à margem da cerimónia de assinatura dos protocolos para os Contratos Locais de Segurança.

Em relação à morte de uma criança durante uma perseguição policial, o secretário de Estado da Administração Interna secundou a opinião do ministro. “As regras para utilização de armas de fogo estão perfeitamente estabelecidas”. Rui Sá Gomes sublinha que está em curso um inquérito interno para “ser apurado em que circunstâncias foram disparados os tiros”.

 

RTP
 

Marcadores: ,

comentar
r, em 13.08.08 às 16:43link do post | favorito

O Metropolitano de Lisboa vai ganhar 4 milhões de novos passageiros por ano, graças à extensão da linha entre a Amadora-Este e a Reboleira.

 

 

O contrato de empreitada para este prolongamento, que se traduz na construção de 579 metros de linha, foi assinado esta quarta-feira, com a obra a ser assegurada pelo consórcio formado pela Zagope, Soares da Costa, Teixeira Duarte e Tâmega.

 

Com um investimento estimado em 58 milhões de euros, a nova estação da Reboleira deverá iniciar actividade no primeiro semestre de 2011, período a partir do qual passará a haver uma ligação entre a linha azul do metro e a linha de Sintra da Refer, há muito aguardada.

 

Segundo a secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, que esteve presente na cerimónia, este prolongamento resolve «uma das maiores incoerências técnicas» da região metropolitana de Lisboa, que era a incapacidade de ligar o metro da linha azul (com a actual paragem terminal em Amadora-Este) ao comboio de Sintra «devido a uma falha de 200 e tal metros».

Sobre as acusações de que a obra poderá prejudicar o tráfego nos comboios da CP, Ana Paula Vitorino disse discordar, até porque «os sistemas de transporte público não existem para as empresas de transporte, mas para melhorarem a qualidade de vida dos cidadãos».

Aos jornalistas, a responsável pela pasta dos Transportes assegurou que a chegada do metropolitano à Reboleira trará globalmente mais utilizadores de transportes públicos e acabará por «resolver uma incoerência».

«Não fazemos 200 e tal metros porque prejudica a CP. Não é verdade. Ao melhorarmos o sistema global, estamos a melhorar o número de clientes de todo o sistema de transportes», acrescentou.

o metro no futuro

Quando os trabalhos estiverem concluídos, passará a ser possível a um passageiro realizar o percurso entre a Reboleira e o Marquês de Pombal em 19,5 minutos e entre a nova estação e Santa Apolónia em 27 minutos.

 

A obra é mais uma incluída no projecto de rede futura do Metropolitano de Lisboa, que terá 57 estações e 45,2 quilómetros de linhas.

 

Face à estrutura actual, e além da nova paragem da Reboleira na linha azul, está prevista a já anunciada ligação da rede vermelha à amarela, através do Saldanha, e da azul, através de São Sebastião. Nesta direcção, a Linha do Oriente terá ainda uma paragem em Campolide e, a seguir ao Oriente, as estações de Moscavide, Encarnação e Aeroporto (na Portela).

 

Na linha amarela, o acrescento será entre o Rato e a Estrela.

 


 

 

Marcadores: ,

comentar
r, em 12.08.08 às 10:05link do post | favorito

Realiza-se (amanhã) dia 13 de Agosto, pelas 11H30, na Estação de Metro Amadora-Este (átrio principal),  a Cerimónia de Assinatura do Contrato da Empreitada ML 671/07 - "Concepção/Construção dos Toscos do Prolongamento entre a Estação Amadora-Este e a Estação Reboleira, da Linha Azul do Metropolitano de Lisboa".

 
Programa:
 
11H30 – Abertura; 
- Intervenção do Senhor Presidente do Metropolitano de Lisboa, Eng.º Joaquim Reis;
             -Assinatura do Contrato da Empreitada ML 671/07 - "Concepção/Construção dos Toscos do Prolongamento entre a Estação Amadora-Este e a Estação Reboleira, da Linha Azul do Metropolitano de Lisboa" a celebrar entre o Metropolitano de Lisboa e o consórcio formado pela “Soares da Costa”, “Zagope”, “Teixeira Duarte” e a “Construtora do Tâmega”;
             - Intervenção do Senhor Presidente da Câmara Municipal da Amadora, Joaquim Moreira Raposo;
            - Intervenção da Senhora Secretária de Estado dos Transportes, Eng.ª Ana Paula Vitorino;
 
            - Encerramento.

 


VISITANTES
Counter
INQUÉRITO
EM QUE AREA DEVIA A CAMARA DA AMADORA INVESTIR MAIS??
EDUCACAO
DESPORTO
OBRAS MUNICIPAIS
AMBIENTE E HIGIENE URBANA
ACCAO SOCIAL
REQUALIFICACAO URBANA
HABITACAO
CULTURA
ESPACOS VERDES
  
pollcode.com free polls
Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
28
30

31


blogs SAPO
subscrever feeds